Home / Saúde / Prefeitura de Douradina inicia campanha de combate ao caramujo-gigante-africano

Prefeitura de Douradina inicia campanha de combate ao caramujo-gigante-africano

A Prefeitura de Douradina, através das secretarias de Agricultura, Saúde e Serviços Urbanos, iniciou na manhã de sexta-feira (15) uma campanha de controle e combate ao caramujo-gigante-africano. Com apoio de autoridades municipais, as ações na última semana foram realizadas no bairro Vila Nova, onde foram distribuídos kits de combate ao molusco.

O material destinado gratuitamente pela Prefeitura aos moradores conta com luva, 100g de “iscas” moluscidas e folheto contendo orientações a respeito da forma correta de combate ao molusco.

“Estamos iniciando essa campanha devido à grande incidência do caramujo-gigante africano em nossa cidade, principalmente nos dias chuvosos. Este material é o mais adequado para o combate. Estamos dando todo o suporte e a orientação necessária, mas é preciso a conscientização e colaboração da população para que utilizem o produto recebido e procurem manter seus quintais limpos” destacou a secretária de Agricultura Lucilene Barroquel.

“Essa é uma excelente campanha da Prefeitura Municipal que deve colaborar de grande forma para a saúde pública.  Esses moluscos são transmissores de doenças, como por exemplo a meningite, além de serem hospedeiros do mosquito aedes aegypti e, dessa forma, é necessário que haja o controle e o combate dos mesmos”, complementou a secretária de Saúde Ângela Marques.

Os moradores do Município podem adquirir os kits na Secretaria de Agricultura, anexa à Secretaria de Educação, na praça Ana Rosa da Silva.

O vice-prefeito Aparecido Caminha, representando o prefeito Jean Sérgio Clavisso Fogaça, marcou presença no início da campanha e parabenizou as secretarias pela importante realização. “Em nome do prefeito Jean eu quero destinar meus parabéns às secretarias envolvidas nesta ação, pois sabemos que é necessário muito empenho para que esse tipo de campanha aconteça. Também quero parabenizar ao prefeito pela visão em apoiar esse projeto, agora vamos ficar na expectativa para que a população faça bom uso desse material para que os objetivos sejam alcançados”, disse.

Parceira no projeto, a Câmara Municipal esteve representada nesta manhã pelos vereadores Odair Rocha e Maria Nilza, que também colaboraram na entrega do material. O superintendente de Serviços Urbanos Elias Carneiro e a primeira dama Elismar Caminha também estiveram colaborando com a distribuição dos kits.

Caramujo

Introduzido no Brasil em substituição ao escargot, e que na verdade não é comestível, tornou-se uma praga porque ataca e destrói plantações, contamina frutas e legumes, além de transmitir vermes e provocar doenças. Quanto adulto, atinge 15 cm de comprimento e oito cm de largura. Atualmente é encontrado em 14 estados brasileiros. É resistente à seca e ao frio. Sobe com facilidade em muros e invade casas. Sobrevive em terrenos baldios, plantações abandonadas, sobras de construções, pilhas de telhas e tijolos.

O caramujo gigante africano pode transmitir dos vermes: Angiostrongylos cantonensis, causador da angiostrongilíase meningoencefálica humano, que provoca dor de cabeça forte e constante, rigidez na nuca e distúrbios do sistema nervoso; e Angiostrongylos costaricensis, causador da angiostrongilíase abdominal, doença grave que pode resultar em óbito por perfuração intestinal e hemorragia abdominal.

Sobre administrador

Verificar também

Prefeitura de Douradina inaugura sala de nebulização

A Prefeitura de Douradina inaugurou nesta terça-feira (28) uma sala de nebulização para atender os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *